Janeiro 2019 archive

Judite Sousa e o desmedido narcisismo de um livro vazio

Beja Santos: “Político esfaqueado ou é morto ou é eleito”, por Judite Sousa, Oficina do Livro, 2019, é uma obra inacreditável. A conhecida jornalista partiu para o Brasil em outubro de 2018, a missão era fazer a cobertura da campanha da segunda volta do candidato Jair Bolsonaro. A experiência deu-lhe para publicar um livro, era suposto …

Continue reading

A Europa entre 1950 e os nossos dias, numa obra-prima de historiografia

Beja Santos: Ian Kershaw é um nome dominante da historiografia mundial, felizmente que alguns dos seus livros mais importantes estão traduzidos entre nós, caso da biografia de Hitler, mas também “À beira do abismo”, “Europa entre 1914 e 1949”, e é na continuação deste último título que foi recentemente publicado entre nós o prodigioso “Continente Dividido”, …

Continue reading

Construtores do Império: uma obra-prima de divulgação histórica

Beja Santos: O livro intitula-se “Construtores do Império, Da conquista de Ceuta à criação do governo-geral do Brasil”, por João Paulo Oliveira e Costa e Vítor Luís Gaspar Rodrigues, A Esfera dos Livros, 2017. Tem a maior utilidade o esclarecimento da nota prévia: “Estudo de doze personalidades que viveram nos séculos XV e XVI e que …

Continue reading

Portugueses e Espanhóis na Oceânia, por René Pélissier

  Beja Santos: Em finais do século XIX, países como a Rússia, Alemanha, os EUA, Japão e China lançam-se na conquista de territórios de populações decretadas como atrasadas, colonizáveis segundo a lógica decretada na Conferência de Berlim. O trabalho de René Pélissier, neste estudo, cinge-se ao exame e comparação, durante um curto período (1887-1899) das atitudes …

Continue reading